30441734_1708057499280618_7822340794227884032_o.jpg

 

Da Frente Brasil Popular 


Atos organizados pelas Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo serão organizados amanhã (11) para pressionar o Supremo Tribunal Federal para colocar para votar as duas ações declaratórias de Constitucionalidade (ADCs) sobre prisão após condenação em segunda instância.


A data escolhida é justificada porque o ministro Marco Aurélio Mello afirmou que vai levar “em mesa” na próxima quarta, no Supremo Tribunal Federal, um requerimento para que o plenário rediscuta a possibilidade de prisão após condenação em segunda instância.


O Dia Nacional de Mobilização em Defesa da Liberdade de Lula Livre vai contar com a participação das principais entidades do movimento social e sindical em diferentes formatos de atividades. Serão realizadas ações nas estradas e rodovias, passeatas, vigílias e ato cultural com a presença de artistas.


Duas Frentes, um só objetivo: a liberdade de Lula


As articulações que congregam os principais movimentos sociais do Brasil estão concentradas na liberdade de Lula. Isso significa que todas as agendas e atividades terão essa pauta e o objetivo é tornar o movimento em defesa do ex-presidente mais amplo e mobilizador.


A avaliação é que, mais do que nunca, a questão da liberdade de Lula se confunde com a questão democrática e, portanto, a ideia é agregar todos àqueles que consideram que a prisão é política e injusta.

Participe, divulgue, mobilize para atos que ocorrerão em todo o mundo!

 

Confira a lista completa dos aqui, aqui