Imagem1.jpg

 

Por Coletivo de Comunicação do MST na Bahia
Da Página do MST

 

Na reta final do curso de Direito Social no Campo, após cinco anos de estudo, a turma Eugênio Lyra, composta por 44 estudantes de três estados do Brasil e de 11 movimentos sociais de luta pela terra, realiza de 13 a 15 de dezembro o 2º Seminário de Direito Social no Campo.


Nos dois primeiros dias, as atividades acontecerão na Universidade do Estado da Bahia (UNEB), no teatro do campus 1, localizado no bairro Cabula, em Salvador; e o último dia no Centro de Treinamento da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), em Itapuã.


Com objetivo de debater as experiências e acúmulos adquiridos durante o curso, que encerra com a colação de grau neste sábado (16), o seminário dá o pontapé inicial às reflexões e projeções da turma para o próximo período, ao compreender o papel militante e político que cada advogado, recém formado, terá com a base de suas respectivas organizações.


O curso de direito é uma construção coletiva dos movimentos sociais através do Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária (Pronera), em parceria com a UNEB, e cumpriu a demanda de levar o ensino jurídico aos trabalhadores e as trabalhadoras do campo.


Sem perder de vista os objetivos que norteiam as lutas dos movimentos populares, a turma destaca que estar dentro de uma universidade pública, considerada como mais um latifúndio, é central na defesa da terra e da soberania popular.


Confira mais informações sobre o evento aqui