PINT6448-661x351.jpg

 

Por Leonardo Fernandes
Da Página do MST

 

Na próxima sexta-feira (10), véspera da entrada em vigor a Reforma Trabalhista aprovada pelo Congresso Nacional, entidades sindicais e movimentos populares pretendem ocupar as ruas de todo o país para denunciar o que consideram um dos maiores ataques aos direitos da classe trabalhadora.


As centrais Central Única dos Trabalhadores (CUT), Força Sindical, Central de Trabalhadores Brasileiros (CTB), União Geral dos Trabalhadores (UGT) e a Nova Central Sindical se reuniram para definir as ações que serão realizadas.


As entidades também produziram um material informativo sobre os atos em todo o Brasil e uma cartilha na qual explicam os efeitos do pacote de maldades do governo de Michel Temer na vida dos trabalhadores e trabalhadoras do Brasil.


“Nós estamos nos organizando para mobilizar o povo para fazemos grandes mobilizações em todo o país, parando os trabalhos nas fábricas, para denunciar o que nós chamamos de deforma trabalhista do governo Temer”, declarou o secretário-geral da CUT/SP, João Cayres.
 

28a-881x480.jpg


O "Dia Nacional de Paralisação" busca mostrar à população as mazelas do desmonte dos direitos sociais promovidos pelo governo ilegítimo de Michel Temer. As centrais pretendem ainda se antecipar sobre outros ataques dos setores golpistas que ainda estão por vir, como a Reforma da Previdência, que já está na pauta do Congresso.


Confira a programação completa por estado:


Alagoas
Maceió
8h - Concentração na Praça Sinimbu


Bahia
Salvador
11h - Caminhada do Campo Grande até a Praçã Municipal
13h - Manifestação na porta da Previdência Social no Comércio


Distrito Federal
Brasília
09h – Ato Fora Temer e suas medidas - Espaço do Servidor – Esplanada dos Ministérios


Minas Gerais
Belo Horizonte
09h – Ato na Praça da Estação


Mato Grosso do Sul
Campo Grande
16h – Ato na Praça Ari Coelho com enterro da CLT na superintendência do trabalho


Mato Grosso
Cuiabá
15h - Praça Ipiranga


Pará
Belém
08h30 – Concentração no TRT na Praça Brasil – Caminhada até o Ver-O-Peso


Piauí
Teresina
08h – Ato Unificado – Praça Rio Branco – Com Caminhada pelas Ruas do Centro


Rio Grande do Norte
Natal
14h – Ato com concentração na Praça Gentil Ferreira no Bairro Alecrim. Depois será feita uma caminhada pelas ruas principais até a Cidade Alta


Rio Grande do Sul
Porto Alegre
10h as 14h – Plenária de Mobilização - Auditório da Igreja da Pompeia (R. Barros Cassal, 220, Floresta POA)
16h – Abraço à Justiça do Trabalho – Av. Praia de Belas
18h – Ato das Centrais – Esquina Democrática


Rio de Janeiro
Rio de Janeiro
16h – Concentração na Candelária – Caminha pra a Cinelândia


São Paulo
São Paulo
09h30 – Ato em São Paulo – Concentração na Praça da Sé
10h30 – Caminhada até a Avenida Paulista


Tocantins
Palmas
09h – Em frente a CEF – Quadra 105 Sul – Rua SE 01


*Até dia 10 de novembro, essa programação será atualizada

 

 

*Editado por Rafael Soriano