WhatsApp Image 2017-06-09 at 09.21.49.jpeg

 

Por Ednaldo Carvalho
Da Página do MST

 

Entre os dias 7 e 8 de junho, foi realizado o 1° Encontro Estadual da Juventude Sem Terra no Piauí. A atividade aconteceu no Assentamento Marrecas, município de São João do Piauí, o primeiro do MST no estado, que estará comemorando 28 anos de lutas, resistências e conquistas no dia 10 de junho.


O encontro teve duração de dois dias e contou com cerca de 200 participantes. No decorrer do primeiro dia, foi feita uma análise da atual conjuntura brasileira, seguindo com os temas educação do campo, gênero e sexualidade e questão racial.


O segundo dia seguiu com temas voltados para a organicidade da juventude nos assentamentos e acampamentos. Segundo Francisco Sousa, do Coletivo Estadual de Juventude, 'assim como o MST há 28 anos fez historia fincando a primeira bandeira do movimento no estado do Piauí, a juventude Sem Terra também faz história realizando o 1° Encontro Estadual, justamente no mesmo assentamento em que surgiu o MST no estado'.


"Este, por si só, é um espaço místico para todo militante do movimento no estado do Piauí. O encontro cumpre uma importante tarefa na construção de uma unidade estadual da organicidade da juventude Sem Terra", afirmou Sousa.


Para João Luis, dirigente nacional do MST no Piauí, 'a juventude não é o futuro, a juventude é o presente'. "O papel da juventude do MST é buscar se inserir nos processos políticos do assentamento, no processos de formação política do município, além do papel político de conquistar o território. A juventude cumpre esse papel que é fundamental", concluiu.

 

*Editado por Leonardo Fernandes