DSC_0165.JPG

 

Por Jaine Gomes de Amorim
Da Página do MST

 

Na manhã dessa quinta-feira (11), cerca de 150 jovens do MST se mobilizam em frente ao Núcleo Regional de Educação de Laranjeiras do Sul e na Prefeitura Municipal de Rio Bonito do Iguaçu, região centro do Paraná.


A atividade faz parte da 7ª Jornada Nacional da Juventude Sem Terra, que tem caráter de organização, formação e luta dos jovens, com atividades protagonizadas nas escolas, núcleos de educação, e em áreas da Reforma Agrária dos municípios em que estão organizados.


Para Everli Thalia Bore, estudante e acampada da região centro, a mobilização aconteceu para garantir que os direitos de estudar e ter escola no campo para as crianças, jovens e adultos Sem Terra seja garantido.


“Hoje a juventude Sem Terra da região centro, veio se reunir no Núcleo de Educação e na Prefeitura de Rio Bonito, para reivindicar seus direitos. Somos contra a municipalização das Escolas Itinerantes, pois isso descaracteriza a proposta político pedagógica da escola em período de acampamento”, afirma Everli. E completa: "esse ano as Escolas Itinerantes completam 20 anos em todo Brasil e no Paraná 13, e a gente não vai permitir que nem o governo e nem o Núcleo Regional tirem nossos direitos de ter escola no campo”.


Além disso, os estudantes se mobilizaram para apresentar uma pauta estruturante para as escolas itinerantes e de assentamentos da região, como melhorias nas estradas, nos transportes.


Os jovens foram recebidos por representantes do Núcleo de Educação.

 

 

*Editado por Rafael Soriano