Catiana de Medeiros
Da Página do MST


“Avaliar internamente nossas ações e planejar os passos do próximo período”. Estes são os principais objetivos do 17º Encontro Estadual do MST do Rio Grande do Sul, apontados por Cedenir de Oliveira, dirigente nacional do movimento pelo estado gaúcho.


O evento será realizado entre os dias 19 e 21 de janeiro, no assentamento Capela, no município de Nova Santa Rita, na região Metropolitana de Porto Alegre. Cerca de mil trabalhadores assentados e acampados participarão das atividades de organização e planejamento.


“O encontro acontece a cada dois anos e nos ajuda no processo de organização do movimento em instância estadual, das cooperativas, centros de formação e atividades de base com a militância que atua nos acampamentos”, complementa Oliveira.


Esta edição recebe o nome Edson Lima, em homenagem ao assentado Sem Terra morto em dezembro do ano passado. Ela contará com representações de outros movimentos populares e de lideranças sociais e políticas, como o ex-governador do Estado, Olívio Dutra e o coordenador nacional do MST, João Pedro Stédile.


A programação também é constituída por análise da conjuntura política; lançamento da Jornada Cultural “Alimentação saudável: um direito de todos”; Assembleia das Mulheres do MST; Jornada Socialista: 20 anos Massacre de Eldorado de Carajás; e participação da Escola de Samba Unidos da Vila Isabel, do município de Viamão.