21036535319_dc7af0a514_b.jpg


Da Página do MST 


Entre os dias 16 e 19 de novembro jovens de todo o estado de Pernambuco realizam Acampamento Popular da Juventude Campo e Cidade no campus da Universidade Federal do Pernambuco, em Recife.


O objetivo é debater o atual cenário político nacional e o papel da juventude na construção de um projeto de país verdadeiramente popular.


Serão quatro dias de mesas temáticas, oficinas e atos políticos. Temas como cortes no orçamento para a educação pública, o fechamento de escolas, a proposta de redução da maioridade penal e as formas de discriminação – racismo, machismo e LGBTfobia – permeiam a programação do evento.


A Coordenadora Nacional do Levante Popular da Juventude, Iyalê Thayrine, destaca a necessidade da juventude se organizar para reagir ao movimento reacionário liderado pela Câmara Federal, que visa a supressão de direitos dos trabalhadores e das trabalhadoras.


“Precisamos falar sobre todos esses ataques do Congresso Nacional, pensar respostas a essa conjuntura de avanço do conservadorismo e da opressão sofrida pela classe trabalhadora”, diz.
 

1.jpg

Programação


O acampamento traz no primeiro dia uma mesa temática sobre “O papel da Juventude no cenário político atual”. Nos dois dias seguintes, 17 e 18, as mesas têm como temas, respectivamente, “Combate ao racismo, machismo e LGBTfobia” e “Ajuste fiscal, pela taxação das grandes fortunas e em defesa da Petrobrás”. 


Ainda para Iyalê, o acampa é um espaço muito importante para troca de conhecimento, experiências e vivências, além de ser um espaço de formação.


“Vamos trazer também a questão da subrepresentatividade do povo nos espaços de poder, problema causado pelo sistema político vigente. Este cenário nos coloca a urgência de uma Constituinte Exclusiva e Soberana do sistema político. Precismos ter a população verdadeiramente no poder, tomando as decisões. E é fundamental que a juventude pernambucana esteja a par destes debates e se junte nessa construção”, pontua.


O Acampamento Popular da Juventude Campo e Cidade é organizado pelas juventudes dos movimentos que compõem o campo popular, como o Levante Popular da Juventude, MST, Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) e a Pastoral da Juventude Rural (PJR).


O encontro tem apoio da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo link: http://bit.ly/acampalevantepe.