Da Página do MST


O MST no estado do Tocantins lamenta profundamente a perda trágica do grande companheiro e Professor Flávio Moreira, que por volta das 17h do último dia 27 de setembro sofreu um acidente automobilístico, junto com sua esposa, vitimando fatalmente o professor. 


Flávio Moreira, 46 anos, fez parte do quadro de Professores da Universidade Federal do Tocantins (UFT) - Campus de Tocantinópolis, curso de Pedagogia, e onde também atuou como Diretor do Campus. 


Nesta instituição ele procurou desenvolver um trabalho pedagógico que superasse as barreiras do tradicionalismo conservador, que infelizmente, ainda impera na cultura local. Foi uma dos principais articuladores e executores de diversas ações que tinha como objetivo aproximar a universidade da sociedade e a sociedade da Universidade, sobretudo, os movimentos sociais do campo.


Durante o período em que esteve no Tocantins, articulou e coordenou junto com a Secretaria da Educação do Tocantins (SEDUC), o curso de especialização e capacitação de educadores e educadoras do Programa Projovem Campo -Saberes da Terra e o Curso de Graduação em Educação do Campo, além de contribuir com acessorias e apoio em atividades dos movimentos sociais. Podemos assim afirmar e reafirmar que este companheiro foi um militante social dentro e fora da academia. 


Os Movimentos Sociais do campo do estado do Tocantins estão de Luto.


A Educação do Campo do Campo está de luto.


Flávio Moreira foi embora, mas fica vivo a perspectiva de aproximação e ocupação por parte dos movimentos sociais do campo às estruturas da Universidade Federal do Tocantins na região do Bico do papagaio, fato que pode ser concretizado antes dele deixar o estado. 


O Professor Flávio foi essa figura que começou a nos ajudar superar os obstáculos historicamente impostos pelo coronelismo político-latifundiário da região Bico do Papagaio.


O MST no estado do Tocantins aprendeu na trajetória de mais de 15 anos com a contribuição de vários figuras importantes, dentre elas o Prof.Flávio Moreira, que durante o período que esteve no Tocantins contribuiu na área da educação e da formação política fundamental para fortalecer a luta dos trabalhadores e trabalhadoras.


Viva Professoro Flávio Moreira! Viva a Educação do Campo!


Direção Estadual do MST